segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Todo dia...

Todo dia um novo dia,
Mas nem sempre um amanhã...
Amanhã já é incerto por ser
E eu já não sei ao certo o que dizer,
O que sou,
O que sou pra você,
O que queres,
O que queres de mim,
O que se olha quando
Já não se sabe mais o que se vê?


Ariany do Vale
Poetisa

2 comentários:

  1. Parabéns, Ariany!
    Poema muito bonito!

    ResponderExcluir
  2. Minha amiga!Lembre-se de mim quando ficares famosa! Lindo Poema nega!

    ResponderExcluir